Get Amazing Stories

Get great contents delivered straight to your inbox everyday, just a click away, Sign Up Now.

Filme Moonlight – Sob a luz do luar

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

O filme independente Moonlight, mesmo sem grandes estrelas e com uma narrativa simples e direta, escrito e dirigido por Barry Jenkins, tem colecionado prêmios e elogios desde sua exibição em diversos festivais internacionais de cinema.

A obra se inspira em projeto de faculdade nunca apresentado do dramaturgo Tarell Alvin McCraney, “In Moonlight Black Boys Look Blue”, para exibir três momentos distintos da vida de Chiron, um jovem calado que descobre aos poucos sua própria masculinidade, apoiado na figura de um traficante local e de sua mãe, uma enfermeira viciada em crack. É uma história típica da periferia de Miami, onde McCraney e Jenkins cresceram, mas que consegue se traduzir com habilidade de forma quase universal.

Há quem diga que “Moonlight” humaniza alguns desses clichês — o traficante, a mãe viciada, o jovem pobre e negro — tão castigados no cinema, mas a verdade é que, ao final da 1h50 de duração, fica claro que o filme sempre os viu como seres humanos, de forma que transmite facilmente tal interpretação para o público.

Além do roteiro, que entrega personagens complexos e inteiros, as atuações são as grandes responsáveis por isso. Mahershala Ali (“House of cards”) rouba a cena do primeiro ato como Juan, que aprende na pele a ironia de ser a figura paterna de Chiron ao mesmo tempo em que vende crack para sua mãe (Naomi Harris, no trabalho de sua vida).

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Maria Alice Guedes

Jornalista e escritora, autora do livro Desnudeios - Um retrato do homem moderno em suas relações de afeto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *